Music

3/Music/post-grid

Header Ads

Header ADS

Animação em Foco: TOM E JERRY (1940)


Tom e Jerry é um daqueles desenhos animados que marcaram a infância de gerações. Não tem quem não conheça essa carismática dupla de bichinhos. E algo interessante, e que pouca gente sabe é que foram criados pela dupla Hanna-Barbera. Na verdade foi o primeiro projeto de animação dos dois, realizado em 1940. Somente em 1957 é que foi fundado o estúdio Hanna-Barbera de animações. Ou seja, na época desta primeira animação, os desenhistas ainda não detinham os direitos de sua obra que acabou ficando para a contratante MGM (Metro-Goldwyn-Mayer).

Conta a história que o produtor Fred Quimby  pediu a William Hanna e Joseph Barbera que desenhassem um curta, e a dupla de animadores desenvolveu a ideia onde um gato perseguia um rato. Logo, a produção gerou um curta da MGM chamado "Puss Gets the Boot"(Um Bichano em Maus Lençóis), que foi para os cinemas em 10 de fevereiro de 1940. Somente depois os produtores batizaram os personagens de "Tom e Jerry". William Hanna e Joseph Barbera escreveram e dirigiram mais 113 episódios entre 1940 e 1957, a partir do segundo episódio, os animadores Kenneth Muse, Irven Spence, Ed Barge, Ray Patterson foram indicados para a animação dos personagens. Cada um deles dava um traço diferente aos personagens, que mudavam rapidamente de uma cena para a outra. Destes episódios, 93 foram produzidos por Fred Quimby (que apesar dos créditos da produção, artisticamente falando não teve  nenhuma participação na produção da animação).



Habitualmente, a trama das histórias se baseia nas tentativas frustradas de Tom de capturar Jerry, e todas as confusões que isso gera. O Tom raramente consegue capturar Jerry, principalmente por causa das habilidades do esperto ratinho, e também por causa da estupidez do gato. 
As perseguições eram divertidas e sempre vinham acompanhadas por uma boa trilha sonora. Também era muito divertido ver as diversas armadilhas e truques que nunca davam um resultado satisfatório pro Tom. 
Alguns personagens também marcam presença na trama como o Bulldog Spike e o rival de Tom, o gato Butch.

Tom e Jerry tiveram fases com diferentes animadores, pois como já mencionamos ao término do contrato entre Hanna-Barbera e MGM, os personagens ficaram na Metro-Goldwyn-Mayer.

Confira abaixo essas fases:
  1. 1940 - 1958 (Hanna-Barbera)
  2. 1960 - 1962 (Gene Deitch) Rembrandt Films
  3. 1960 - 1962 (Chuck Jones)
  4. 1975 - 1977 (Hanna-Barbera)
  5. 1980 - 1982 (Filmation)
  6. 2006 - (Warner Bros Animation)

Tom & Jerry: Gatinho Celestial (1949) from Séries e Desenhos on Vimeo.

CURIOSIDADES:

  • Em sua primeira aparição (1940), Tom foi chamado Jasper e enquanto Jerry era anônimo, mas os animadores se referiam a ele como Jinx;
  • Esta primeira animação ("Puss Gets the Boot") da dupla William Hanna e Joseph Barbera foi indicada ao Oscar de melhor curta-metragem de animação;
  • O nome do gato e do rato foi decidido em conjunto pela produção que elegeram a sugestão do animador John Carr (Tom e Jerry) como a melhor e por isso ele recebeu 50 dólares de prêmio;
  • Supostamente, Carr tirou os nomes do livro Life In London, escrito por Pierce Egan, que contava as aventuras de Jerry Hawthron e seu amigo Corinthian Tom;
  • Na época, Tom & Jerry também era uma expressão em inglês para se referir a um grupo de garotos bagunceiros;
  • Desde sua criação, a animação já recebeu 13 indicações ao Oscar, com 7 vitórias como melhor curta de animação, assim como já recebeu diversos outros prêmios;
  • A música é um dos elementos marcantes de Tom & Jerry.a trilha sonora que acompanha as ações dos personagens é fruto do trabalho do diretor musical, Scott Bradley que criou uma série de trilhas complexas que combinavam elementos de jazz com músicas clássicas e até mesmo pop, devidamente aplicadas ditavam o ritmo da confusão nas telas. O interessante é que não eram trilhas sonoras exclusivas para o desenho, mas sim, trilhas que o estúdio já havia adquirido para produções anteriores. Em sua maioria, músicas clássicas! Isso acontecia, pois a MGM não tinha uma verba muito grande para investir na composição ou aquisição de novas trilhas;
  • Desde a década de 40, a dupla já aventurou em outras mídias, como nos quadrinhos por exemplo e já à partir da década de 80 em consoles de vídeo games e em joguinhos para celulares;
  • De acordo com a Variety, a Warner está fechando acordos com Tim Story para a produção de um FILME LIVE-ACTION DE TOM E JERRY que deverá estrear em 2020. O filme será um híbrido, mesclando animação com realidade - semelhante a Space Jam: O Jogo do Século, no qual Pernalonga e sua turma competem ao lado de Michael Jordan.

BÔNUS:
  • Baixe AQUI "A Era Clássica";
  • Baixe AQUI "Tom e Jerry: O Filme (Dublagem Herbert Richers)"



Gostou da postagem?
Então junte-se a nós! Curta nosso blognossa página e nosso grupo
Junte-se a família "Memória Magazine", inteiramente dedicada a relembrar coisas boas e curiosas do passado. Ajudando alguns a reviverem boas lembranças e outros a conhecer a origem do que se ve hoje nos quadrinhos, nas animações e nos filmes...



Um comentário:

  1. Tinha vindo divulgar esse link que achei hoje. Mas tá em inglês, o de vocês tá BR mesmo?! https://topdesenhostorrent.blogspot.com/2017/04/colecao-tom-e-jerry-1940-2004-dublado.html?showComment=1550075178500#c6196295284227629475

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.