PAPO DE CINEMA | O Homem que Caiu na Terra (The Man Who Fell to Earth) - 1976


Neste PAPO DE CINEMA vamos trazer a MEMÓRIA o já clássico filme cult: "O Homem Que Caiu na Terra", o polêmico e já quase esquecido filme que o camaleônico David Bowie estrelou em 1976 e que foi dirigido por Nicolas Roeg. Quando foi lançado, recebeu várias críticas negativas. Alguns chegaram a escrever que o longa não tinha sentido e que era muito longo. Atualmente a obra goza de um status cult que lhe rendeu inclusive um lugar na Criterion Collection, que é uma empresa famosa por selecionar a dedo determinadas obras clássicas para restauração e distribuição. Recentemente a Paramount Plus (serviço de streaming do estúdio) começou a produzir um seriado baseado no romance homônimo assinado por Walter Tevis em 1963. Curioso? aventure-se em nosso post e saiba um pouco mais sobre esta interessante história.


SINOPSE: Thomas Jerome Newton (David Bowie) é um alienígena que vem à Terra em busca da salvação de seu planeta: água. Disfarçado de empresário, ele faz uso de tecnologias avançadas para conseguir o dinheiro necessário para a construção da nave que o levará de volta para casa. Para isso, no entanto, ele deverá sobreviver à dura competição do mundo dos negócios e às tentações terráqueas.

TÍTULO no Brasil: O HOMEM QUE CAIU NA TERRA
TÍTULO Original: The Man Who Fell to Earth
Origem: EUA/Reino Unido
Ano: 1976
Duração: 139 minutos (2h19m)
Classificação indicativa: 16 anos 
Produção: Michael Deeley, Barry Spikings 
Distribuidor: Universal Pictures
Gênero: Ficção Científica/Drama
Direção: Nicolas Roeg
Diretor de fotografia: Anthony B. Richmond
Montagem: Graeme Clifford
Trilha Sonora:  John Phillips (ex-The Mamas and The Papas)
Roteiro: Paul Mayersberg, Walter Tevis (Autor da obra original)
Elenco: Adrienne Larussa, Bernie Casey, Buck Henry, Candy Clark, David Bowie, Hilary Holland, Jackson D. Kane, Linda Hutton, Richard Breeding, Rick Riccardo, Rip Tom, Tony Mascia
Orçamento: US$ 1,5 milhão
Arrecadação: US$ 100 mil

O filme narra a vida do alienígena Thomas Jerome Newton, que "cai" na Terra e acaba por enriquecer vendendo sua tecnologia e usando seus conhecimentos avançados de ciência e como empresário. Criando uma conglomerado gigantesco, ele usa o poder e riqueza acumulados para cumprir a missão que o levou inicialmente à Terra: salvar seus povo da extinção levando água do nosso mundo. Durante sua jornada, Newton é apresentado tanto aos costumes terrestres como ir a igreja, formar uma família, e aos vícios e prazeres como álcool, sexo e televisão através da empregada de um pequeno hotel, Mary-Lou com quem passa a morar junto, mesmo tendo deixado para trás esposa e filho em seu planeta natal. Enquanto isso, um dos funcionários de Newton, o Dr. Nathan Bryce tenta expor sua real natureza alienígena por sua ambição em conseguir fama ao desconfiar dos estranhos hábitos do "excêntrico" Newton. Num ato de esperteza, Bryce atrai seu patrão para uma reunião e usa um aparelho de raio-x para expor sua fisiologia alienígena. Contudo, mesmo com seu segredo sendo exposto e o assédio da imprensa, Newton começa e definhar devido ao seu vício em televisão e bebidas alcoólicas, para o desgosto de sua companheira humana. Compreendendo que seu segredo foi revelado, ele tenta contar a Mary-Lou ao revelar sua verdadeira forma. Porém, a reação dela é a pior possível o que a leva a abandoná-lo pelo horror. Quando completa sua nave e prestes a partir para seu mundo natal, Newton é capturado pelo governo e tem seu braço-direito na empresa assassinado pelos agentes governamentais. Aprisionado num apartamento de luxo, ele é sedado com álcool e mantido sob observação e submetido a vários testes de forma humilhante e dolorosa, permanecendo por muitos anos, posteriormente reencontrando figuras importantes em sua vida humana como Mary-Lou e Bryce. Com um final melancólico e decadente, "O Homem que Caiu na Terra" mostra através da visão do personagem principal, a decadência da condição humana e como essa sociedade com um sistema corrompido e vicioso consegue destruir a "inocência" do visitante que chega a lembrar de sua família definhando em seu planeta moribundo enquanto ele próprio vive os vícios e prazeres mundanos da humanidade. 


CURIOSIDADES:
  • "O Homem que Caiu na Terra" (The Man Who Fell to Earth) de 1976 baseou-se no livro de mesmo nome do autor Walter Tevis, lançado em 1963. 
  • A música "Welcome to Jungle" do Guns N' Roses foi parcialmente inspirada no filme.
  • O apartamento em Manhattan e o retiro na Antártica de Ozymandias em "Watchmen"(2009) foi baseado no cenário de "O Homem que Caiu na Terra".
  • O ator Michael Fassbender chegou a declarar que se inspirou na performance de David Bowie de Newton para interpretar o androide David de "Prometheus"(2012).
  • Em uma entrevista para o artigo Straight Time de Kurt Loder em 1983, supostamente David Bowie teria admitido que passou a maior parte das gravações sob o efeito de cocaína e que se lembra bem pouco do filme em si. Porém, a atriz Candy Clark que interpretava Mary-Lou chegou a afirmar que Bowie estava sempre sóbrio e que era muito profissional e amigável.
  • O filme também veio a ser indicado para o Urso de Ouro de Berlim, porém não ganhou. 
  • David Bowie recebeu um Saturn Awards (prêmio referência nos gêneros de ficção científica, terror e fantasia) por sua atuação.

O Canal streaming Paramount+ anunciou no dia 5 de fevereiro (2021) que está desenvolvendo uma nova série baseada no filme dos anos 70. O seriado também será baseado no livro homônimo escrito por Walter Tevis.

O ator Chiwetel Ejiofor (dos filmes da Marvel Studios como Doutor Estranho e o do inédito no país Lockedown) é o primeiro nome no elenco do projeto.

Ejiofor já foi indicado ao Oscar e ao BAFTA na categoria de Melhor Ator pelo filme “12 Anos de Escravidão“. Recentemente escreveu e dirigiu o elogiado filme da Netflix “O Menino Que Descobriu o Vento“.

Alex Kurtzman e Jenny Lumet cuidam dos roteiros e servirão como produtores executivos.

O Estúdio ainda não divulgou outros nomes no elenco ou mesmo uma previsão de estreia.

Nenhum comentário

Imagens de tema por graphixel. Tecnologia do Blogger.