FALANDO EM SÉRIE: MACGYVER - PROFISSÃO PERIGO (1985)



Embora muitos falem mal da TV GLOBO, os mais antigos e saudosistas, não podem negar que foi graças a emissora que inúmeros seriados inesquecíveis, foram exibidos no Brasil. Um destes seriados foi "PROFISSÃO PERIGO"...


Nunca deu para entender bem, o porque da série ter recebido esta nome, já que seu titulo real era: "MacGyver". Talvez alguém tenha achado que não tinha apelo...Mas outras séries utilizaram seus nomes originais sem problemas, como por exemplo: MAVERICK; AUTOMAN; MOTO LASER; ESQUADRÃO CLASSE A; MANNIX; BAT MASTERSON e muitas outras...


Não podemos negar que "Profissão Perigo" ficou muito bom, mas não há realmente sentido, uma vez que 'MacGyver' caiu até em ditos populares. Pois não é incomum, até hoje, nos depararmos com pessoas que estão diante de uma situação difícil, dizer: "Vou ter de dar um 'MacGyver'"....Em compensação, aposto que muitos em entrevistas, quando se perguntava "profissão", vinha 'na ponta da língua': perigo! 


"Profissão Perigo" estreou nos EUA em 29 de setembro de 1985 e só chegou ao Brasil em 05 de julho de 1987, dois anos antes de "Domingão do Faustão" (26/03/1989), exterminar o domínio das séries nas tardes de domingo da Rede Globo...O que significa que a Globo não passou a série completa, pelo menos no domingo...


Sim, a série teve 7 temporadas e dois longas metragens produzidos para a TV: "MacGyver: O tesouro Perdido de Atlântida" e "MacGyver: Julgamento Final".  Em 2016 foi feito um remake da série, que esta em sua quinta temporada...




A série girava em torno do agente secreto Angus MacGyver (sim, ele era um agente secreto!), interpretado por Richard Dean Anderson, que trabalhava como um "solucionador" de problemas. Inicialmente, ele trabalhava para o governo dos EUA, porém alguém deve ter achado que isto limitaria o raio de ação de MacGyver e ele então passou a trabalhar com a Fundação Phoênix...




O que mais agradava em MacGyver, é que ao contrário dos agentes habituais, que tinham uma série de aparelhos sofisticados e avançados que os ajudavam em suas missões, MacGyver conseguia resolver os problemas em que estava com coisas comuns, como por exemplo: um canivete suíço (do qual nunca se separava); fita adesiva; uma barra de chocolate (vedou um vazamento nuclear!); papel celofane; clipes; grampeadores e coisas comuns de nosso cotidiano...




E se você pensa que tudo era invenção dos roteiristas, engana-se! Os feitos de MacGyver eram cuidadosamente pesquisados junto a cientistas para garantir os que os princípios científicos estivessem corretos, embora claro, utilizar o que ele fazia na vida real, teria de contar e muito com o elemento sorte!  


O inseparável canivete era igual ao da ilustração...


Quem assistiu a série, deve se lembrar que em alguns episódios, ele misturava produtos químicos para conseguir chegar a seu objetivo. Como estes produtos eram de uso comum, evidentemente as soluções eram alteradas (elementos ficavam de fora, as explicações eram vagas, etc) para que ninguém se arrisca-se a imitar em casa e causasse algum acidente irreversível...


Outra diferença com os demais agentes secretos, era que MacGyver não usava armas! Isto porque, ele causou a morte acidentalmente de uma amigo na infância. o que não quer dizer que MacGyver não utilizasse armas adquiridas de seus rivais, de uma forma não padronizada, como por exemplo: usá-la como...uma chave inglesa! 


Mas ai você diz: "Mas, pera ai! Eu vi ele usando armas em um dos episódios!". Sim, você viu. Aliás, na propaganda da Rede Globo aparecia MacGyver 'mandando bala' em alguém com uma AK-47...Ele usa armas no padrão tradicional em 3 ocasiões: no episódio piloto, logo em seu inicio e é a cena que citamos com a AK-47; outra vez é no episódio 10 da primeira temporada, também em seu inicio quando ele mantem terroristas sob controle à mira de um revolver; e a terceira vez, é no longa metragem "MacGyver: Julgamento Final"...


O seriado teve um inicio 'morno' em sua primeira temporada, somente a partir da segunda as coisas mudaram. A partir de então foram 6 temporadas, onde a série se manteve no topo de audiência. Porém apesar do sucesso, a sétima temporada foi abreviada, Após a exibição do 12º episódio em 30 de dezembro de 1991 (nos EUA), a série só retornou a grade da emissora em 25 de abril de 1992.


Finalmente em 21 de maio de 1992, foi ao ar o último episódio da série (nos EUA). Claro que não houve um encerramento, a 'coisa' terminou sem explicações. Perguntado sobre a razão do fim da série, Anderson respondeu: "A única razão pela qual saiu do ar foi que todos estavam prontos para seguir em frente. Eu estava fisicamente exausto e não tinha vida".


Vale destacar que Anderson já andava reclamando do tratamento que a ABC dispensava a série (em matéria de divulgação e comercialização). E que depois ele ficou um bom tempo fazendo pequenas aparições e filmes menores. Enfim entrou para o elenco de STARGATE SG-1, onde ficou por 7 anos (novamente) e já demonstrava sinais de total desinteresse na série (trabalhava no automático)...


O novo MacGyver

Nenhum comentário

Imagens de tema por graphixel. Tecnologia do Blogger.