"Papo Furado": CLUBE DO MICKEY (1955/1996)


Em 1955, foi ao ar pela primeira vez o Clube do Mickey, pela emissora estadunidense ABC.  Um programa de televisão visando arrecadar fundos para a construção do sonho de Walt Disney: a Disneylândia. O Clube do Mickey foi criado por Bill Walsh, Hal Adelquist e Walt Disney, produzida pela Walt Disney Productions e esteve no ar, nessa primeira versão, entre 3 de outubro de 1955 até 1959.

O programa infantil era apresentado pelos "Mouseketters” (“mousequeteiros”), um grupo de crianças comandado por Jimmie Dodd, o “Mouseketter líder” – dentro e fora das telas. A partir do início das obras do parque temático, Walt Disney deixou nas mãos de Dodd a produção do programa. Além de apresentador e produtor, Dodd também compôs a música de abertura e aparecia em vários segmentos orientando as escolhas morais dos jovens espectadores. Roy Williams, presente no clipe do primeiro episódio, também era um convidado frequente; foi dele a ideia de colocar as orelhas do rato mais famoso do mundo no figurino do elenco.


O Clube do Mickey era exibido de segunda a sexta, e cada dia da semana tinha um tema diferente: Diversão com Música era apresentado na segunda, Astro Convidado na terça, Tudo Pode Acontecer na quarta, Circo na quinta e Talentos na sexta. Essa primeira edição do programa foi cancelada em 1959 e não chegou a ser transmitida no Brasil.


Em 1977, o show foi retomado por 130 episódios, exibidos no Brasil pela Rede Tupi e, posteriormente, pela TVS (atual SBT). Esta nova versão dos anos 70 ficou conhecida nos Estados Unidos como New Mickey Mouse Club. E era bem diferente da original e os antigos "Mouseketters” foram substituídos por novos e ainda continuavam usando os mesmos chapéus orelhas, porém agora todos estavam uniformizados. Nos outros aspectos, manteve-se o formato tradicional do programa: o elenco utilizava orelhas do Mickey e cada dia da semana tinha o seu tema.

O final da sequência de abertura era sempre o Pato Donald tocando um gongo – contudo, o que acontecia quando ele tocava o gongo mudava a cada dia. Essa brincadeira fez sucesso com o público e serviu de inspiração para a cena famosa do sofá na abertura de Os Simpsons – a partir daí, vários outros programas de televisão seguiram o exemplo.


A terceira e última edição do programa foi ao ar entre 1989 e 1996. É a mais lembrada pelo público hoje, e não apenas pela nostalgia, mas porque dela saíram vários rostos conhecidos. A última temporada contou com a participação de Christina Aguilera, Britney Spears, Justin Timberlake e Ryan Gosling.

Há boatos, ainda, de que a lista de artistas que fizeram audições mas não conseguiram entrar no programa inclui nomes como Kirsten Dunst, Ben Affleck, Matt Damon, Jessica Simpson, Brittany Murphy e Nick Carter.

Visando um público mais velho, o elenco abandonou os chapéus do Mickey e adotou um novo formato, com esquetes de comédia e covers de músicas populares – formato similar ao de outros programas que ganhavam popularidade à época, como o Saturday Night Live. Foi a edição do programa que teve mais sucesso, com sete temporadas.

Gostou da postagem?

Então junte-se a nós! Curta nosso blognossa página e nosso grupo

Junte-se a família "Memória Magazine", inteiramente dedicada a relembrar coisas boas e curiosas do passado. Ajudando alguns a reviverem boas lembranças e outros a conhecer a origem do que se ve hoje nos quadrinhos, nas animações e nos filmes...

Nenhum comentário

Imagens de tema por graphixel. Tecnologia do Blogger.