RIMA, A GAROTA DA SELVA (1904)


RIMA é a heroína do livro "Verdes moradas" (Green Mansions) de William Henry Hudson, publicado em 1904, que contava a história de uma estranha jovem, "Rima the Bird Girl", criada nas selvas da Venezuela e que tinha certos poderes sobre os animais. 

Em 1952, Rima ganhou uma versão em histórias em quadrinhos por Alex Blum, publicada na edição 90 da revista Classics Illustrated. 

Em 1959, Rima foi interpretada no cinema por Audrey Hepburn, no filme Green Mansions (No Brasil, " A FLOR QUE NÃO MORREU"). 
RIMA, A PRINCESA DAS SELVAS (EBAL - 1975)
Em 1974, ganhou uma nova versão em histórias em quadrinhos, na série "Rima the Jungle Girl", publicado pela DC Comics. "Rima" foi uma tentativa da editora ressuscitar o filão "garotas das selvas", gênero que teve seu auge nos anos 40 ("Sheena", "Tigrana", "Rulah"...). A versão em quadrinhos surgiu quando a DC resolveu quadrinizar livremente o livro "Verdes moradas". "Rima, the Jungle Girl" foi lançada em maio de 1974 e cancelada no ano seguinte (maio de 1975). Foi uma historieta original e deliciosa. Uma espécie de poesia visualizada pelo desenhista Nestor Redondo dos argumentos de Robert Kanigher e Joe Kubert. 
A personagem sofreu várias mudanças quando adaptada. No livro, tinha cabelos pretos. Em "Classics Illustrated", era loura. E na versão da DC tinha belos e longos cabelos brancos.

A versão da DC também chegou a aparecer, como convidada, em 1977, em três episódio da série animada Superamigos da Hanna Barbera, na temporada de 1977-78.
É mencionada na HQ LIGA EXTRAORDINÁRIA (The League of Extraordinary Gentlemen vol. 2, #3 de 2003) publicada pela America's Best Comics, roteirizada por Alan Moore e ilustrada por Kevin O'Neill e Ben Dimagmaliw. 

Em 2010, aparece reformulada em First Wave, evento da DC com heróis dos pulps e da Era de Ouro das histórias em quadrinhos.

CONVITE!
Se você aprecia este tipo de postagem, lhe convido a se juntar ao nosso GRUPO no facebook que é dedicado a compartilhar curiosidades e imagens do passado antigo ou mesmo mais recente, desde que sejam curiosas e que nos tragam boas memórias.
JUNTE-SE A NÓS NO FACEBOOK: GRUPO 


Nenhum comentário

Imagens de tema por graphixel. Tecnologia do Blogger.