Falando em Série: O HOMEM DO FUNDO DO MAR (The Man from Atlantis) 1977


Vivi minha infância nos anos 70/80. E um dos meus passatempos favorito era me reunir com minha família e assistirmos séries de TV. E entre tantas que marcaram minha história, resolvi começar a compartilhar minhas lembranças pelo "Homem do Fundo do Mar" (The Man From Atlantis).

“O Homem do Fundo do Mar” surgiu do interesse da emissora americana NBC em adaptar as aventuras de Namor, o Príncipe Submarino, para a TV. O personagem da Marvel Comics já tinha ganho a sua versão (des)animada produzida em 1966 e exibida em redes regionais. Mas, a NBC não conseguiu chegar a um acordo com a Marvel, detentora dos direitos autorais. Por isso, Herbert F. Solow e Mayo Simon foram chamados para criar uma variação do personagem, de forma que pudesse ser produzida sem infringir os direitos da editora. Assim surgiu "The Man From Atlantis". 



Emissora: NBC.
No Brasil: Rede Globo, TV Bandeirantes e TV Record.
Transmissão Original (EUA): de 22 de setembro de 1977 a 6 de junho de 1978.
Duração: 45 minutos.
Temporadas:1 (13 episódios).
Produção: Solow Production Company.

Sinopse: Logo no episódio piloto temos um homem encontrado inconsciente (Patrick Duffy) na praia. Levado ao hospital, os médicos tentam sem sucesso reanimá-lo. Quando a Dra. Elizabeth Merrill (Belinda G. Montgomery) percebe que as mãos daquele homem possuem membranas, ela logo compreende se tratar de um ser aquático. Ao invés de ar, ele precisava de água. Rapidamente o paciente é levado de volta ao mar. Lá, Elizabeth vê aquele misterioso homem recobrar a consciência. Logo ele se torna objeto de estudo do governo.
Sem se lembrar quem é, Mark Harris (como é denominado), demonstra ter uma incrível capacidade de resistir às altas pressões subaquáticas, além de adquirir força sobre-humana enquanto está debaixo d’água. Tentando descobrir suas origens, Elizabeth e sua equipe começam a acreditar que Mark poderia ser o último sobrevivente de Atlântida (Atlantis).
Mark passa a trabalhar para a Fundação de Pesquisas Oceânicas, comandada por C. W. Crawford (Alan Fudge). Assim, ele e a equipe da Dra. Merrill viajam no submarino Cetáceo, vivendo diversas aventuras no fundo do mar. Ao longo da série, Mark enfrenta o misterioso Sr. Schubert (Victor Buono), um gênio do mal que tenta convencer o homem-peixe a unir-se a ele em sua luta pela conquista do mundo pelos mares. Registre-se que Mark tinha uma queda pela Dra. Elizabeth Merrill.

Elenco:
Patrick Duffy como Mark Harris
Belinda Montgomery é a Doutora Elizabeth Merrill
Victor Buono como Mr. Shubert
Alan Fudge é C.W. Crawford
Robert Lussier como Brent
Anson Downes é Allen
Richard Williams como Jomo
Jean Marie Hon é Jane
J. Victor Lopez como Chuey




Buscando testar a audiência, o canal encomendou a produção de um telefilme piloto "The Man From Atlantis", exibido em março de 1977. A receptividade foi boa, o que levou o canal a encomendar mais dois telefilmes, que receberam os títulos de “Os Exploradores da Morte (The Death Scouts)” e “As Esporas Assassinas (Killer Spoilers)”, exibidos no mês de maio do mesmo ano. Novamente a audiência correspondeu as expectativas e, assim, um quarto telefilme foi exibido no mês de junho, com o título de “Os Desaparecidos (The Disapperances)”. Diante de uma ótima receptividade dos quatro telefilmes, de quase 100 min. cada, a NBC encomendou a produção de uma série, com 13 episódios de 45 minutos de duração, para sua primeira temporada.

TELEFILMES

1.O HOMEM DO FUNDO DO MAR (THE MAN FROM ATLANTIS)
2.OS EXPLORADORES DA MORTE (THE DEATH SCOUTS)
3.AS ESPORAS ASSASSINAS (KILLER SPORES)
4.OS DESPARECIDOS (THE DISAPPEARANCES)

EPISÓDIOS:

01 - O DERRETIMENTO (MELT DOWN)
02 - THE MUDWORM
03 - O FALCÃO DO MU (HAWK OF MU)
04 - O GIGANTE
05 - HOMEM OU GUERRA (MAN O'WAR)
06 - DISPUTA NOS CONFINS (SHOOT OUT AT LAND'S END)
07 - ÁGUA CRISTALINA, MORTE REPENTINA (CRYTAL WATER, SUDDEN DEATH)
08 - A DESCOBERTA (THE NAKED MONTAGUE)
09 - C.W. HYDE
10 - A BUSCA DO TESOURO (SCAVENGER HUNT)
11 - OS DIABINHOS (IMP)
12 - A SEREIA (SIREN)
13 - CARNAVAL MORTAL (DEADLY CARNIVAL)

No Brasil fez mais sucesso do que nos EUA, sendo exibido pela Rede Globo nas noites de segunda-feira. Seu piloto foi apresentado no dia 5 de fevereiro de 1978 às 20h55 e a partir daí ganhou espaço semanal na emissora. Ainda em março de 1978 transferiu-se para os domingos à tarde dentro da faixa chamada Super Heróis que ia ao ar às 16h. Ficou na Globo até 1979. Em 1981 apareceu novamente, agora pela TV Bandeirantes que exibia a série diariamente às 15h45. Permaneceu na emissora menos um ano e só voltou a ser exibida em 1983 pela TV Record nas terças-feiras às 20h.
O sucesso foi tanto que chegou a ser lançado um álbum de figurinhas e uma versão em quadrinhos. O Interessante é que este mesmo sucesso não aconteceu nos Estados Unidos e a série acabou sendo cancelada pela rede NBC em junho de 1978.
A série também recebeu adaptações para os quadrinhos através da Dell Publishing em 1977, que publicou “Man from Atlantis # 1”. Logo em seguida surgiu “Man from Atlantis # 2: Death Scouts” e a linha dos quadrinhos prosseguiram com “Killer Spores” (1977) e “Ark of Doom” em 1978, todos eles escritos por Richard Woodley.

Em 1978, a Marvel Comics publicou sete contos em quadrinhos dentro da linha de Man from Atlantis, com roteiros de Bill Mantlo e desenhos de Frank Robbins e Frank Springer. Também a companhia de brinquedos Kenner Products iniciou a produção de uma linha de figuras de ação relacionadas à série de televisão.


Confira nosso vídeo, e não se esqueça de comentar.


Gostou da postagem?

Então junte-se a nós! Curta nosso blog e nosso grupo no Facebook. 

Junte-se a família "Memória Magazine", inteiramente dedicada a relembrar coisas boas e curiosas do passado. Ajudando alguns a reviverem boas lembranças e outros a conhecer a origem do que se ve hoje nos quadrinhos, nas animações e nos filmes...




Nenhum comentário

Imagens de tema por graphixel. Tecnologia do Blogger.