Falando em Série: O HOMEM DA MÁFIA (1987/1990)


Este seriado foi mais um dos acertos da Globo na década de 80. Como já dissemos em outras postagens, nós os expectadores, ficávamos reféns dos canais de TV aberta (aliás, só existia a 'tv aberta') esperando que algum deles apresentasse um seriado realmente bom e que valesse a pena acompanhar. 

E no caso de "O Homem da Máfia" valia a pena, o seriado era ótimo e com uma abordagem diferente das demais séries do genero. E a Globo o exibiu num horário que favorecia a todos os fãs da série (sim, haviam fãs e muitos). 



A série teve quatro temporadas, e 75 episódios no total, mas apesar de todo o sucesso é praticamente impossível achar um episódio sequer dela na internet. Mesmo em sites de fora do Brasil...

Sobre o seriado...

A série acompanhava as investigações do agente 'infiltrado' Vincent 'Vinnie' Terranova (Ken Wahl) designado pelo OCB (Organized Crime Bureau), uma divisão fictícia do FBI, para se infiltrar entre grupos criminosos, conseguir provas sólidas contra o grupo em questão e destruí-lo a partir de dentro...


Logo no início da série ficamos sabendo até que ponto o FBI chegou para dar credibilidade aos 'histórico' de seu agente infiltrado, Vinnie esta saindo da prisão onde cumpriu pena e uma pena real. Até mesmo seus familiares se envergonham de ter um 'mau elemento' na família. O que já é um diferencial da série para outras do genero. 

Mas as inovações não paravam por aí, a série também foi pioneira ao dividir as histórias em arcos (como nos quadrinhos), assim durante uma temporada as investigações podiam envolver mais de um grupo ou criminoso...Além, disto o seriado, mais uma vez se diferenciando dos demais, procurou mostrar as consequências das investigações na vida e na mente do agente...

Quem assistiu a série por exemplo não pode se esquecer do investigado de um dos arcos da primeira temporada, Sonny Steelgrave (Ray Sharkey). Este arco foi um dos melhores e jamais superado por  nenhum dos posteriores. Mesmo sabendo que Sonny era um mafioso e um cara violento, tanto Vinnie como nós expectadores acabamos por simpatizar com o personagem e com certeza lamentamos seu final trágico, que afetou profundamente Vinnie a ponto de influenciar nas demais temporadas...



Além das histórias serem em 'arcos', também haviam os convidados especiais que enriqueciam a série. Por exemplo, na primeira temporada um dos arcos envolvia um certo Mel Profitt, interpretado por Kevin Spacey. Já na segunda temporada o convidado especial foi Jerry Lewis (!!), que aceitou pela primeira vez fazer um papel dramático na TV (!!). 


Além destes, outros atores e atrizes famosos desfilaram na telinha durante a série: Annette Bening, Ron Silver, Stanley Tucci, Tim Curry, Robert Davi, Michael Chiklis, Chazz Palminteri, Maximillan Schell, entre outros...

A série também permitia que outros atores também se destacassem, na primeira por exemplo surgiu meu personagem predileto na série que era Roger Loccoco (William Russ). Este personagem aparentemnete era um assassino que trabalhava com Profitt, porém posteriormente descobrímos que ele na verdade também era um agente infiltrado, que trabalhava para a CIA. Também ficamos sabendo que era a CIA quem estava por traz das atividades de Profitt e com intenções duvidosas...

Loccoco

Começam os problemas...

O ator Ken Wahl era um ilustre desconhecido antes de seu papel de Vinnie Terranova, e da noite para o dia se tornou famoso e bastante cobiçado, e como todos nós sabemos, alguns atores não conseguem lidar bem com isto. E Wahl não foi uma exceção...

Na segunda temporada, durante o arco com Jerry Lewis, Wahl teve de se afastar por ter quebrado o tornozelo num acidente no set. A série não poderia parar, então foi criada uma situação onde o personagem Vinnie foi substituído por outro: John Henry Raglin (Anthony Denison), um agente aposentado

Na terceira temporada, mais uma vez o personagem Vinnie é substituído por outro e para minha alegria foi por Roger Loccoco (o personagem agradou tanto que se cogitou uma série própria, idéia que infelizmente não foi para a frente). Desta vez a substituição foi por causa dos problemas psicológicos gerados em Vinnie por causa ainda de Sonny (da primeira temporada).

Nestas duas vezes, o público aceitou bem a falta de Vinnie. Assim quando chegou a hora da quarta temporada estrear...surpresa! Um novo personagem foi introduzido para estrelar a série: Michael Santana (Steven Bauer), um ex-promotor que havia sido expulso...Para justificar a falta de Vinnie, foi criada uma situação onde ele investigava um caso envolvendo um assassinato de um padre e havia desaparecido misteriosamente. Mas antes havia entrado em contato com Michael Santana (nada disto é  mostrado, só falado...). 
Até mesmo a entrada da série foi modificada e a musica de Mike Post foi substituída por outra (criada por ele mesmo)com um ritmo mais latino...

Por que houve esta substituição? 

Ken Wahl havia entrado contra a CBS com uma ação judicial que envolvia o seriado e sua participação nele. Resultado: foi demitido! Ele até tentou movimentar os fãs para que pedissem seu retorno, mas a coisa não funcionou....

Claro que uma mudança tão radical numa série de TV não poderia dar em boa coisa. Como se não bastasse a mudança no elenco, também houve mudanças na ambientação. A OCB deixou de existir, e o grupo foi absolvido pela promotoria distrital, passando a investigar a ação do crime organizado em estabelecimentos publicos. Para compensar o 'esvaziamento' do enredo, a CBS colocou mais ação...E a série (que já não ia bem) naufragou de vez...

Tentativa de retorno...

Mas, se existe uma coisa que os canais americanos não fazem é desistir de uma série de sucesso. E "O Homem da Máfia" não foi uma exceção! Assim em 1996, foi feito um longa para a TV, reunindo o elenco original, que tinha como objetivo reiniciar a série. 

Mas era necessário se fazer alguma coisa, já que na quarta temporada o corpo de Vinnie havia sido encontrado no capitulo final...A solução foi....ignorar totalmente a quarta temporada, e aproveitar alguns ganchos da terceira. Na terceira temporada, Vinnie investigava o próprio padrasto, que era um dos chefões da Máfia local e que manipulou muitos de seus casos anteriores....

O filme não teve a recepção esperada e para complicar, Wahl havia sofrido um acidente em 1992 e quebrado o pescoço. Ele conseguiu recuperar os movimentos dos braços e das pernas, mas sentia muitas dores e enfrentava grave problema com a bebida (motivo pelo qual não foi visto em nada mais), esta situação o impedia de assumir as exigências da retomada do papel e o elenco original se separou por ai...

Em 2011, a NBC anunciou planos de 'revitalizar' a série com novos atores e roteiristas e como vários outros projetos estamos esperando até hoje que a promessa seja cumprida....

Para terminarmos: em 2012 foi lançado um filme estrelado por Brad Pitt que no Brasil recebeu o nome de "O homem da Máfia", porém este filme não tem absolutamente nada a ver com o antigo seriado, na verdade o nome correto do filme é "Mate-os gentilmente" ou "Mata-os Suavemente"....



Convite: 

"Vou te fazer um convite..."
Se você gostou desta matéria e gosta de matérias deste tipo, curta nosso blog e venha fazer parte de nosso grupo no face. O objetivo é relembrarmos produções que acompanharam nossa infância, nossa adolescência e talvez nos acompanhem até agora e tenhamos vontade de rever ou relembrar. 


VENHA! Curta e participe de nossa pagina: MEMÓRIA MAGAZINE  e faça parte de nosso grupo: MEMÓRIA MAGAZINE


Um comentário:

Imagens de tema por graphixel. Tecnologia do Blogger.